Edusoft Tecnologia - Sistema Acadêmico Mentor Web

Entenda o que é o carimbo de tempo no Diploma Digital

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Uma das obrigatoriedades do Diploma Digital, de acordo com a Portaria 554, é o uso do carimbo de tempo. Apesar de a tecnologia deste tipo de selo não ser algo tão novo, ela é considerada uma inovação para o documento universitário.

Mas você sabe o que é o carimbo do tempo e quais vantagens apresenta ao estar inserido no Diploma Digital? Neste blog post, vamos explicar para você tudo direitinho. Confira!

Carimbo de tempo e o Diploma Digital

Uma das exigências que o MEC faz sobre o Diploma Digital é que ele tenha o carimbo de tempo. Em resumo, esta tecnologia serve como uma camada extra de segurança sobre o documento assinado digitalmente. Ou seja, atesta com 100% de confiança a exata data e hora que assinatura digital foi feita ou que o documento foi criado.

Algo a se destacar é que o carimbo de tempo é emitido sobre o hash e não sobre o documento. Essa função criptográfica garante a integridade de um documento eletrônico. Com isso, permite que um perito técnico possa comprovar que não houve alteração no documento desde a época em que esse foi transformado.

Antes de existir o carimbo de tempo, poucos certificados digitais tinham data e hora registradas. Sem falar que essas informações podiam ser facilmente adulteradas. Uma pessoa conseguia, por exemplo, alterar os dados no computador no qual o procedimento foi realizado.

Por este e outros motivos é que esta tecnologia adiciona mais credibilidade.

>> Conheça os benefícios em emitir o diploma no formato digital.

Como obter

O carimbo de tempo deve ser contratado pela instituição de ensino diretamente com uma Autoridade de Carimbo de Tempo (ACT) (clique aqui para conferir a lista das ACTs).

Com isso, durante o processo de criação do diploma será enviado, por meio de integração, até o servidor da ACT. Esse, por sua vez, emitirá um selo digital (carimbo de tempo) e que será salvo juntamente ao diploma.

Esse selo é que dará a validade legal necessária, confirmando a exata data e hora da emissão do diploma.

Para ter validade jurídica, o carimbo de tempo deve ser acompanhado de um certificado digital no padrão ICP-Brasil.

Prazo para o Diploma Digital se aproxima

A partir de 2022, Instituições de Ensino Superior devem passar a emitir diplomas somente no formato digital. Ou seja, o prazo está cada vez mais curto para a adaptação!

Algumas particularidades do documento:

  • Seu processo é desenvolvido totalmente dentro de um arquivo nato-digital.
  • Ele estará vinculado ao documento eletrônico e perderá a validade caso seja feita qualquer alteração.
  • Deve ser emitido no formato Extensible Markup Language (XML). E precisa também ser combinada com a assinatura eletrônica avançada no padrão XML Advanced Electronic Signature (XadES).
  • Sua representação visual deve zelar pela exatidão e fidedignidade das informações prestadas no XML do Diploma Digital.

Quer facilitar o processo de emissão do Diploma Digital em sua instituição? Com o sistema de gestão educacional da Edusoft isto é possível! Clique aqui para saber mais.

Receba nosso Newsletter