Edusoft Tecnologia - Sistema Acadêmico Mentor Web

1 de fevereiro de 2023

Diferenças entre Educação 5.0 e 4.0: Entenda Tudo sobre as duas Maiores Revoluções Recentes no Ensino

Diferença entre Educação 4.0 e 5.0
Diferença entre Educação 4.0 e 5.0
CONTEÚDO DO POST

As diferenças entre educação 5.0 e 4.0 são inúmeras. Inclusive, sequer deu tempo de tentar entender e aprender o que a educação 4.0 traria para dentro das salas de aula, já que a educação 5.0 chegou sobrepondo conceitos e inserindo novas teorias e reflexões.

Mas a verdade é que, dentro desse cenário, só uma coisa é certa: a mudança. A forma como a tecnologia avança hoje em dia é totalmente diferente da forma como ela avançava há cinco ou dez anos. As mudanças são maiores, mais profundas e em pouco tempo.

O que fazer para conseguir acompanhar isso tudo? Participar, gerar inclusão e criar uma atmosfera adequada para que os alunos cresçam com a mentalidade certa para o mundo que vão enfrentar em um futuro próximo.

Neste artigo, a Edusoft vai te ajudar a entender um pouco mais sobre as diferenças entre educação 4.0 e 5.0. Se você está um pouco confuso com relação a esse tema e os conceitos, não se preocupe. Continue lendo e saiba tudo!

Você pode entender mais sobre o assunto, lendo também o artigo: Critérios de avaliação – O que são e como funcionam para orientar a aprendizagem?

Diferenças entre Educação 4.0 e 5.0
Diferenças entre Educação 4.0 e 5.0

Diferenças entre educação 4.0 x 5.0

As diferenças entre educação 4.0 e 5.0 partem do princípio da inclusão humana, com habilidades socioemocionais e não mais meramente técnicas.

Isto é, enquanto que na educação 4.0 o objetivo era ensinar os alunos a mexerem no computador ou na internet como forma de aumentar a velocidade do aprendizado, na educação 5.0 se espera que eles já saibam fazer isso e, agora, possam conviver em sociedade e ambientes de trabalho humanos, com a tecnologia cada vez mais presente para os trabalhos braçais.

Para te ajudar a entender, veja abaixo alguns detalhes sobre a educação 4.0 e 5.0 para criar as suas próprias reflexões sobre o assunto.

Leia também o artigo: Benefícios da Tecnologia na Educação – Conheça as vantagens!

Quais são as principais diferenças entre educação 4.0 e 5.0?
Quais são as principais diferenças entre educação 4.0 e 5.0?

O que é educação 4.0

A educação 4.0 nada mais é do que aquela em que o objetivo principal era a inclusão de tecnologias dentro de sala de aula, com o objetivo de estimular os alunos a utilizarem equipamentos e ferramentas disponíveis para o ensino. Um exemplo prático disso, é a inserção de tablets para pesquisa ou anotações. Aqui, se aprende a técnica.

Diferença entre Educação 4.0 e 5.0

O que é educação 5.0

Já na educação 5.0, o objetivo já não é mais fazer com que os alunos aprendam ou utilizem as tecnologias para resolverem problemas. Mas sim, desenvolvam habilidades de criatividade e comunicação, pressupondo que as habilidades técnicas de mexer em um tablet, por exemplo, já existam. É exatamente como se agora, com a educação 5.0, os alunos avançassem de fase e partissem para habilidades mais subjetivas com o uso da tecnologia.

Conheça o Sistema de Gestão Educacional – Mentor Web, que pode auxiliar as questões organizacionais da sua Instituição de ensino.

O que são soft skills?

Conforme você entendeu anteriormente, as principais diferenças entre educação 5.0 e 4.0 estão no modo como a tecnologia é inserida no ambiente dos alunos. Os conceitos da educação 5.0 não simplesmente sobrepuseram os conceitos da 4.0. Mas sim, levaram eles para um outro nível de aprendizado e desenvolvimento de habilidades.

Assim sendo, dentro da educação 5.0, os alunos terão muito mais apelos aos estímulos das chamadas “soft skills”, que são as habilidades socioemocionais. Elas estão ligadas, principalmente, ao desenvolvimento pessoal com base nas tecnologias e formas de trabalho.

Uma soft skill, por exemplo, é a capacidade mental de lidar com um problema no desenvolvimento de um projeto de tecnologia. Como o aluno vai agir para buscar essa solução? Como ele vai se relacionar com outros alunos para que haja uma discussão adequada sobre o problema?

Enquanto que a máquina faz o trabalho pesado, os seres humanos serão responsáveis por pensar, trabalhar em equipe e criar soluções criativas e eficientes para a máquina executar.

Leia também o artigo: 5 tendências da educação superior que precisam estar no radar da sua instituição

Diferenças entre Educação 4.0 e 5.0
Qual a aplicação das Soft Skills na Educação 5.0?

Qual deve ser o foco da educação daqui pra frente?

Já que a educação 5.0 é uma realidade e precisa ser considerada daqui pra frente, o que fazer para que a sua sala de aula receba esses conceitos e os alunos possam ser preparados para o futuro? Veja onde vai estar o foco da educação 5.0:

  • Criatividade.
  • Gestão de conflitos.
  • Relacionamento interpessoal.
  • Comunicação.
  • Trabalho colaborativo.

Criatividade

A criatividade é um fator primordial para garantir o desenvolvimento das crianças com o uso das tecnologias. Afinal, não há mais como “fugir” das tecnologias. Elas estão presentes e vão estar cada vez mais. A educação 4.0, mesmo que ultrapassada rapidamente, fez com que os alunos pudessem aprender a usar ferramentas e máquinas. Agora, o objetivo é usar a criatividade e o raciocínio para fazer as ferramentas e máquinas trabalharem cada vez melhor em prol do desenvolvimento da sociedade.

Por isso, estimular a criatividade em sala de aula é um dos grandes desafios dos professores. Isto é, trazer os alunos para o “mundo real”, longe das telas, para pensar e refletir, e depois sim voltar para as telas e colocar as ideias em prática. Uma boa ideia de software, por exemplo, acontece no dia a dia, no local em que o problema está sendo enfrentado.

Conheça a Edusoft, empresa que é especializada em desenvolvimento de software de gestão para educação.

Qual deve ser o foco da educação daqui para frente?
Qual deve ser o foco da educação daqui para frente?

Gestão de conflitos

Outra soft skill que os professores precisam criar em seus alunos, é a capacidade de gestão de conflitos. Isto é, com as tecnologias resolvendo muitos dos problemas lógicos da vida das pessoas, como elas podem continuar vivendo em sociedade de maneira que não se sintam em uma bolha e um mundo próprio?

Até porque, mesmo com as tecnologias presentes no dia a dia e na resolução de problemas, ainda assim, os seres humanos precisam conviver entre si. E nessa convivência, conflitos e soluções precisam ser resolvidos onde, muitas vezes, a máquina não vai estar presente.

Relacionamento interpessoal

Outra habilidade que a educação 5.0 deve trazer, para dentro de sala de aula, é a capacidade de relacionamento interpessoal. Isso porque, com cada vez mais telas e cada vez mais mundos virtuais, os alunos podem ser “sugados” facilmente para dentro dessas tecnologias. No entanto, o mundo físico continuará a existir e ele precisa ganhar importância e relevância na vida das crianças.

Neste caso, vale também a reflexão sobre os processos de trabalho. Enquanto que a máquina realiza as coisas mais burocráticas e pesadas, os seres humanos precisam guiá-la e se relacionar entre si para discutir problemas ou encontrar soluções efetivas.

Leia o artigo relacionado: 5 vantagens do uso de um software para gestão da secretaria escolar.

Diferença entre Educação 4.0 e 5.0

Comunicação

Outra habilidade importantíssima que deverá ser desenvolvida em sala de aula é a comunicação. Ela será cada vez mais importante para garantir que o trabalho flua para o lado certo e que a equipe de trabalho possa encontrar as melhores soluções de problemas a partir de uma comunicação clara e fluída. Aprender a se comunicar é muito importante!

Trabalho colaborativo

E ainda, outra habilidade que a educação 5.0 visa abordar, é a capacidade de trabalhar em equipe. Isto é, várias pessoas trabalhando juntas em prol de um mesmo objetivo, onde a tecnologia está inserida e fazendo o “trabalho pesado”. A capacidade de trabalhar de forma colaborativa onde cada peça do quebra-cabeça importa é muito importante que seja desenvolvida ainda na sala de aula.

Para saber mais como trabalhar e aperfeiçoar a comunicação dentro da instituição de ensino, leia o artigo: 5 boas práticas para reforçar a comunicação com alunos em tempos de ensino híbrido.

Como colocar a educação 5.0 em prática

A diferença entre comunicação 4.0 e comunicação 5.0 se dá a partir de uma ideia em que, agora, as crianças já sabem usar algumas ferramentas e podem partir para um novo nível de utilização delas, onde as habilidades técnicas encontram as habilidades socioemocionais, conforme você entendeu nos tópicos anteriores.

Diferenças entre Educação 4.0 e 5.0
Como colocar a educação 5.0 em prática?

Mas, ainda assim, como colocar a educação 5.0 em prática dentro da sua sala de aula ou na sua instituição de ensino? Existem muitas formas de fazer isso, como:

  • Construção de tecnologia.
  • Mudança de cultura.
  • Capacitação dos professores.

Continue lendo para entender em detalhes.

Construção de tecnologia

Uma das formas mais ativas de colocar a educação 5.0 em prática dentro da sua instituição de ensino é, ao invés de só fazer os alunos usarem a tecnologia apenas para alguma solução pontual, fazê-los aprender a desenvolver tecnologias.

A tecnologia se escala. Muitas vezes uma solução simples, na verdade, pode ser aprimorada em muitos níveis diferentes. Nenhum sistema está 100% pronto. Propor que os alunos tenham ideias criativas e construam a sua própria tecnologia, faz parte da educação 5.0.

Para isso faz-se necessário a utilização de um Sistema de Gestão Educacional para auxiliá-lo durante o processo. Entre em contato com a Edusoft e conheça o Mentor Web.

Mudança de cultura

Diferenças entre Educação 4.0 e 5.0
Adapte a sua instituição de ensino a educação 5.0

Outro fator importantíssimo que fará parte da rotina de adaptação à educação 5.0, é a mudança de cultura interna. A cultura precisa ser inserida em todos os membros da instituição de ensino, de maneira que a educação 5.0 esteja presente em absolutamente tudo. Assim, os alunos terão a vivência e a imersão completa em um mundo em desenvolvimento, sempre sendo instigados a se relacionar, se comunicar e resolver problemas de maneira criativa.

Capacitação dos professores

E ainda, outro fator que deve ser levado em consideração nas diferenças entre educação 5.0 e educação 4.0, é a capacitação dos professores. Afinal, eles serão os principais mentores dos alunos, e precisam entender o que a educação 5.0 representa e como ela deve ser aplicada. Os professores precisam entender a importância das soft skills, relações interpessoais e habilidades intrínsecas as características de cada aluno. Bem-vindos ao mundo da educação 5.0. Conte com a Edusoft para ajudar nessa jornada de transição constante, utilizando o nosso sistema de gestão educacional que visa abrir mais espaço para que a instituição tenha tempo de pensar criativamente em soluções e, assim, cativar seus alunos ainda mais.

Diferença entre Educação 4.0 e 5.0
Gostou do Post? Compartilhe agora mesmo: